20/04/2017 às 16h43min - Atualizada em 20/04/2017 às 16h43min

Itatiaia marca presença em Encontro de Gestores Culturais em Barra Mansa

Um ponto apresentado por Itatiaia foi quanto à qualificação dos artesãos da cidade com características e temas da cultura local

A Prefeitura de Itatiaia, por meio da Assessoria Especial de Cultura, participou nos dias 18 e 19 de abril, do Encontro de Gestores Culturais que aconteceu em Barra Mansa. O desenvolvimento cultural do Médio Paraíba foi o tema principal tratado entre os presentes.

Na ocasião, teve palestras, debates e mesas de diálogos contou com a participação de gestores públicos e organizações culturais dos municípios de Barra Mansa, Volta Redonda, Pinheiral, Resende, Itatiaia e Piraí.

Estiveram presentes ainda representantes da Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro (SEC-RJ), representantes da Funarte e o ex-secretário de cultura do Rio de Janeiro, Júnior Perim.

O Assessor Especial de Cultura de Itatiaia, Rafael Fioratto, participou da preparação do encontro e da mesa de conversa sobre o panorama atual da cultura nos municípios.

- Além de gestores, precisamos ser fomentadores da cultura. Não adianta saber e ter onde buscar os recursos se não tivermos quem produza a cultura. É importante ter políticas públicas, leis de incentivo, mas se não tivermos uma cultura pulsante, teremos trabalhado errado – comentou Rafael.

As características culturais da cidade e os cursos atuais ofertados pela Casa da Cultura também entraram na pauta da mesa de conversa.

- Itatiaia hoje tem pouca representatividade cultural, as coisas que existiam foram morrendo, acabando aos poucos, então temos a missão de resgatar a identidade da cidade, tirar as pessoas de suas casas por estarem desacreditadas.  É incentivar, dar pelo menos o mínimo de estrutura para que a arte e as manifestações culturais aconteçam – explicou o Assessor Especial de Cultura.

Outro ponto apresentado por Itatiaia foi quanto à qualificação dos artesãos da cidade para que eles produzam um artesanato com características e temas da cultura local como a fauna e flora do Parque, a cultura finlandesa de Penedo, as lendas dos índios Puris e as paisagens e característica de Maringá e Maromba.

- Depois que eles produzirem, vamos dar incentivo para comercializarem, para que exposições de artesanato entrem num roteiro programado para o turista visitar. Com isso faremos um calendário cultural estruturado para fomentar o turismo, colaborar com a educação e fazer a cultura de Itatiaia ter expressão – contou Fioratto.  

O encontro foi importante para conhecer e trocar experiências com as outras cidades, por exemplo, Pinheiral que tem um trabalho com o Jongo que despertou o interesse do Assessor municipal por já ter feito parte da identidade da cidade.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »