29/05/2017 às 16h28min - Atualizada em 29/05/2017 às 16h28min

Projeto “Mais Social” aproxima comunidade de serviços essenciais

A Prefeitura de Itatiaia, por meio da Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos e Habitação (SMASDHH), realiza no dia 03 de junho, das 9h às 12h, na Quadra da Praça da Emancipação, no Campo Alegre, o Projeto Mais Social.

Com o objetivo de promover a socialização dos munícipes, o projeto tem a parceria de diversos órgãos que estarão no local oferecendo orientação e serviços essenciais a população. O Mais Social acontecerá mensalmente, e rodará todos os bairros da cidade, proporcionando ainda o conhecimento do funcionamento dos órgãos públicos municipais.

- O projeto surgiu da nossa necessidade de estar mais próximo da comunidade e de garantir o acesso dos munícipes aos serviços que lhes são essenciais. O Novo Olhar é fruto do trabalho que já vem sendo desenvolvido entre a secretaria e a Fundação Leão XIII – ressaltou Raquel Rocha, Secretária de Assistência Social, Direitos Humanos e Habitação.

No Mais Social a população terá acesso a orientação jurídica, apresentações culturais, aferição de pressão, corte de cabelo, esmaltagem, shiatsu, pintura de rosto e reflexologia. No local ainda será possível conseguir a isenção para a retirada de segunda via de documentos e habilitação para casamento no civil.

Projeto “Novo Olhar”
A Fundação Leão XIII, que é vinculada a SMASDHH, traz como novidade o projeto “Novo Olhar” que consiste na promoção de exames oftalmológicos gratuitos. Caso haja necessidade, a pessoa poderá receber a doação de óculos.

O projeto atende quem tem no mínimo 40 anos de idade e que recebe até dois salários mínimos.

De acordo com a Fundação, serão oferecidas 500 senhas e para ter acesso aos serviços oftalmológicos do projeto o interessado precisa apresentar os seguintes documentos: carteira de identidade, CPF, e comprovante de residência.

O trabalho do Mais Social será desenvolvido por meio de parcerias com a Fundação Leão XIII, a Cruz Vermelha, a Defesa Civil, a Vigilância Sanitária, o CAPS, o CREAS, o CRAS, a Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres, a Secretaria de Saúde, a Secretaria de Meio Ambiente, o setor de Direitos Humanos, o setor de Habitação e a Assessoria Especial de Cultura.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »