20/10/2017 às 18h48min - Atualizada em 20/10/2017 às 18h48min

Outubro Rosa: Sem demanda reprimida, Secretaria de Saúde de Itatiaia realiza 200 mamografias mensalmente

A Prefeitura de Itatiaia, por meio da Secretaria de Saúde, chega ao Outubro Rosa, mês de prevenção do câncer de mama, com saldo positivo nos exames de mamografia. De acordo com dados do Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher, Criança, Adolescente e Aleitamento Materno (PAISMCA), não há demanda reprimida no município que disponibiliza mensalmente 200 vagas para a realização do exame mais importante na luta contra a doença.

O mamógrafo funciona de segunda a sexta-feira, das 13h às 17h, no setor de Ginecologia da Policlínica Central. Segundo a Coordenadora do PAISMCA, Graziele Freitas, são realizados 10 exames por dia, o que totaliza 50 exames semanais e 200 mensais.

- Desde o início do mês estamos com uma série de atividades em nossas unidades em alusão ao Outubro Rosa. Atualmente não temos uma demanda reprimida no município e isso é motivo de comemoração para as mulheres da cidade. A mamografia é uma medida eficaz e simples que contribui muito para o diagnóstico precoce da doença e aqui os agendamentos são realizados via ESF de referência de cada paciente, e o exame é feito na Policlínica Central. Temos pacientes que o câncer de mama foi detectado através de mamografia realizada na cidade e que está em tratamento. Temos casos ainda de pacientes que trataram e se salvaram – explicou a Coordenadora do programa que realiza ações e orientações específicas para a mulher, criança e adolescente, com o objetivo de garantir a qualidade de vida e a humanização no atendimento e acolhimento a esses pacientes.

A recomendação do Ministério da Saúde é que a mamografia de rastreamento, quando não há sinais nem sintomas, deve ser realizada a cada dois anos em mulheres com idade entre 50 e 69 anos. Mas em casos específicos, como histórico familiar da doença, a recomendação dos médicos é que a avaliação seja feita antes dos 35 anos. O Ministério preconiza ainda que o tempo entre a detecção da doença e o início do tratamento seja de até 60 dias.

- Tenho 60 anos, então estou na idade que os médicos recomendam a realização do exame. Já fiz a mamografia outras vezes, mas essa é a primeira vez que farei aqui e estou surpresa com a rapidez com que marcaram o exame. Sou paciente da ESF Centro e agendaram a mamografia para hoje, menos de 10 dias desde que a médica solicitou o exame. É sempre bom prevenir e fazer o exame de toque porque ele funciona, mas para quem, assim como eu, tem mama grande acaba sendo um pouco mais difícil de sentir, então a mamografia é muito importante. Fui muito bem atendida aqui – contou a paciente Tânia Dias.

Atualmente, são ofertados na cidade exames específicos a Saúde da Mulher como Preventivo, Mamografia, Histeroscopia, Colposcopia, laboratoriais, Paag, Paaf, Estereotaxia, Core Biópsia, Biópsia de Cólo, etc. Além dos exames periódicos de mamografia, é importante que as mulheres realizem o autoexame através da palpação das mamas e observem atentamente a existência de caroços ou alterações de aparência. Ao sinal de qualquer anormalidade deve-se procurar imediatamente um médico na unidade de saúde.

- Descobri um nódulo na mama em 2006 ao fazer o autoexame. Logo procurei o médico que solicitou os exames e a biopsia. Quando o resultado chegou vimos que era realmente câncer de mama e maligno. Tive que fazer a mastectomia total, quimioterapia e radioterapia. Hoje eu estou muito bem e o Senhor esteve sempre a frente de tudo, me dando muita força – contou Adair Silveira, paciente diagnosticada com câncer de mama avançado.

O Setor de Mamografia funciona na Clínica da Mulher (Ginecologia), junto a Policlínica Central, na Avenida dos Expedicionários, nº175, Centro.

 
Por Luana Vieira

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »