25/06/2020 às 17h03min - Atualizada em 25/06/2020 às 17h03min

Web Encontro realizado com Gestores de Cultura discutiu aplicação da Lei de Emergência de Cultural

Reunião contou com a participação dos municípios da Região das Agulhas Negras

Na tarde desta quarta-feira (24), os Gestores de Cultura da Região das Agulhas Negras, formada pelos municípios de Itatiaia, Resende, Porto Real e Quatis participaram de uma reunião com representantes da cultura das quatro cidades, sobre a Lei de Emergência Cultural, Aldir Blanc (Lei 1.075/2020).

A Lei, que foi aprovada pelo Congresso Nacional e aguarda apenas a sanção do Presidente da República, prevê a destinação de R$ 3 bilhões do Fundo Nacional de Cultura para estados, Distrito Federal e municípios para a serem aplicados em ações emergenciais de apoio ao setor cultural durante o período de isolamento social ocasionado pelo novo coronavírus. 

O encontro, conduzido pelo Superintendente de Cultura de Itatiaia, Thiago Ferreira e realizado por meio da plataforma Google Meet, teve a finalidade de tirar as dúvidas em relação a aplicação da lei nas cidades que compõe da região e a formação de banco de dados referentes aos artistas locais.

 - O cadastro é importante porque ajuda os municípios a fazerem um mapeamento de quem são os seus artistas, onde estão e as suas áreas de atuações. Ele ajuda no planejamento, ajuda a fazer uma busca ativa e funciona também como uma base para elaboração de políticas Públicas - explicou o titular da Superintendência da Cultura, pioneira na região na elaboração do cadastro.

Durante o encontro também foram tiradas várias dúvidas, entre elas sobre os profissionais que tem direito ao benefício e como será direcionado.

A Lei cuja autoria é da deputada Benedita da Silva, com a coautoria de outros vinte e três deputados, tem a relatoria da deputada Jandira Feghali

Fórum Regional do Médio Paraíba Fluminense

No último dia 15, os quatro municípios também participaram do Webinário “Cultura a Política que Emerge: A Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc e Impactos na Região”, promovido pelo Fórum Regional de Políticas Culturais do Médio Paraíba Fluminense, do qual fazem parte.

O Webnário, que discutiu assuntos importantes sobre a lei aprovada pelo Senado foi transmitida pelo facebook do Fórum Regional de Políticas Culturais do Médio Paraíba Fluminense.    

O Fórum é composto por 12 municípios, são eles Barra do Piraí, Barra Mansa, Itatiaia, Pinheiral, Piraí, Porto Real, Quatis, Resende, Rio Claro, Rio das Flores, Valença e Volta Redonda.  

Por Matilde Basilio

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »